XXVIII COPA NORDESTE DE CICLISMO 2016

 

XXVIII COPA NORDESTE DE CICLISMO 2016

Aracaju foi a capital do ciclismo nordestino no último fim de semana

A Copa Nordeste de Ciclismo foi realizada em sua 28ª edição, nos dias 29, 30 de abril e 01 de maio, em Aracaju pela terceira vez, com provas de contrarrelógio individual, resistência e circuito, em três dias intensos de competições feitas na Rota de Fuga, nas imediações do Aeroporto Internacional Santa Maria. A Seleção Sergipana de Ciclismo sagrou-se vice-campeã, num evento realizado pela Federação Sergipana de Ciclismo, FSC, e supervisionado pela Confederação Brasileira de Ciclismo, CBC.

A XXVIII Copa Nordeste de Ciclismo teve o patrocínio da Caixa e oferecimento da RR Bike, Ecociiclo Bike Shop, Setransp, SMTT, Serigy, Água Mineral Dias Dávila, BTS Ambiental e Flora Fértil, além do apoio da Prefeitura de Aracaju, através da Secretaria Municipal de Juventude e Esporte, Sesi, Samu e Polícia Militar.

A capital do ciclismo nordestino recebeu as nove delegações estaduais para disputar o maior título da região, contando com a participação de mais de 350 ciclistas e dirigentes. A copa é uma referência para o Brasil colher os melhores talentos para aprimorar o esporte e estimular novas revelações. A Seleção Sergipana foi composta por 23 ciclistas, distribuídos em onze categorias, com atletas em todas elas. Os sergipanos encerraram em segundo lugar com 76 pontos, perdendo apenas para a seleção da Bahia, com 100 pontos. A seleção da Paraíba ficou em terceiro lugar, com 70 pontos, a seleção de Ceará com 44 e a seleção piauiense, com 36 pontos.

Foram ao todo 17 medalhas, sendo 04 medalhas de ouro, 09 de prata e 04 de bronze, conquistadas bravamente pela determinação e coragem de Victor Fernandes (Elite) com 01 medalha de ouro e 01 de prata, Andrei Dorea (Elite) com 01 prata, Uéslei Souza (Elite) com 01 bronze, Caio de Melo (Juvenil) 01 ouro, Jailson Silva (Master A1) com 01 ouro, Nilton Soares (Master A2) com 02 prata e 01 bronze, Pedro Silva (Master B2) 01 ouro e 02 pratas, José Adalberto (Veterano) com 01 prata e 01 bronze, Jonatan Lima (Master C1) 01 prata, Francisco Roberto (Master C2) 01 bronze e Ricardo Hsu (Master C1) com 01 prata.

De acordo com Jairo Vieira, presidente da FSC, toda a delegação fez tudo o que era possível para conquistar o melhor resultado possível. “Vi a dedicação e empenho de todos. Só tenho que agradecer a cada ciclista e dirigente por toda a luta que fez em prol de destacar Sergipe perante o nosso País”, concluiu o gestor, mesmo sem voz. Para preparar a seleção, Jairo realizou cinco provas seletivas com o foco na copa.